O Erotismo

img-20190117-wa0001

O erotismo, escrito por um dos maiores sociólogos italianos da atualidade, parte da premissa de que os homens diferem das mulheres também no que diz respeito à sensibilidade, fantasias, desejos e reações. Na primeira parte do livro, Francesco Alberoni estuda as diferenças entre o erotismo masculino e o feminino. Na segunda, o sonho da mulher, sua sensibilidade tátil, corpórea e o desejo que a percorre. Na terceira, o sonho do homem: o que a palavra seduzir significa para ele, o seu medo de se envolver com o amor e a maneira que adota para melhor lidar com a sexualidade. Na quarta, a promiscuidade dos gays e dos solteiros, e as características mais marcantes das comunidades eróticas, bem como seus limites. Na quinta, as forças estáveis do a mor: como as pessoas se ligam umas às outras, o progressivo crescimento da atração erótica e o ciúme em todas as suas formas. Na sexta, as contradições impostas pela sociedade: ela manda que as pessoas seduzam, sejam agradáveis mas se mantenham fiéis . Na sétima, a convergência: o encontro entre o erotismo masculino e o feminino, à luz da psicologia e da poesia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s