O soldador subaquático

img-20190117-wa0001

Jeff Lemire: “Estava sentindo uma grande pressão pela transformação que a minha vida iria passar com o nascimento do meu filho” Os primeiros conceitos para a criação de O soldador subaquático vieram à mente do quadrinista Jeff Lemire em 2010, quando ele e sua esposa começaram a cogitar a possibilidade de ter um filho. Autor da aclamada Sweet Tooth (Panini) do selo Vertigo, Lemire resolveu desenhar o quadrinho dois anos depois, quando já esperava pelo nascimento da criança. Recém-publicado no Brasil pela editora Mino, o álbum com ares de ficção científica foi elogiado pela Publisher’s Weekly, revista especializada no mercado editorial de língua inglesa, como “uma história bela, passional e gratificante sobre paternidade e crescimento pessoal”. Além do intenso tom familiar e pessoal do quadrinho, o álbum também foi classificado como “o mais espetacular episódio jamais filmado de Além da Imaginação” pelo produtor e criador da série Lost, Damon Lindelof, que assina o prefácio da obra. O soldador subaquático conta a história de Jack, um jovem profissional responsável pela manutenção de uma plataforma petrolífera no litoral do Canadá e à espera do nascimento de seu primeiro filho. Chamado para realizar um serviço de alto risco, ele vive uma experiência fantástica relacionada à morte de seu pai, também soldador submarino e morto em um acidente de trabalho. Em preto e branco, o livro de 220 páginas é um dos trabalhos mais autorais do autor, com o traço caricato e repleto de hachuras que o caracterizam. “Quando comecei a escrever estava sentindo uma grande pressão pela transformação pela qual a minha vida iria passar com o nascimento do meu filho”, disse Lemire em entrevista ao jornal New York Times. Hoje com 40 anos e responsável por séries de sucesso publicadas pelas editoras Marvel, Image e DC Comics, o quadrinista contou na mesma entrevista sobre sua escolha inusitada em relação à profissão de seu protagonista: “Um amigo me falou que o irmão dele estava treinando para ser soldador submarino. O conceito desse trabalho me pareceu fantástico e absurdo ao mesmo tempo. Pesquisei um pouco e fiquei encantando com o potencial estético dessa figura isolada no fundo do oceano. De alguma forma isso tudo se conectou com os temas que queria explorar e nasceu o livro.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s