Esquin de Floyrac: O fim do Templo (Vol. 3)

Depois do sucesso de Johaben: Diário de um construtor do Templo e Zorobabel: Reconstruindo o Templo, primeiro e segundo volumes da Trilogia do Templo, ele retorna para continuar as aventuras da série sobre o Templo de Yahweh em Jerusalém, cuja construção se tornou o símbolo essencial de todo o esoterismo ocidental. Terceiro e último volume da saga, Esquin de Floyrac: O fim do Templo mantém … Continuar lendo Esquin de Floyrac: O fim do Templo (Vol. 3)

Zorobabel: Reconstruindo o Templo (Vol. 2)

Depois de quatro anos de pesquisas, Z. Rodrix está de volta para continuar as aventuras da trilogia sobre o Templo de Jerusalém. Neste segundo volume, conheceremos não apenas os grandes senhores da época, como Cyro e Darius, mas também nos aprofundaremos mais ainda nos segredos dos pedreiros e nas ricas e antigas tradições da maçonaria, como eram praticadas em seus primórdios. Zorobabel: Reconstruindo o Templo … Continuar lendo Zorobabel: Reconstruindo o Templo (Vol. 2)

Johaben: Diário de um construtor do Templo (Vol. 1)

Joab, filho órfão de um soldado fenício, sem compreender por que é guindado por seu tio Jubal, o coxo, a uma posição invejável entre os comerciantes de Tiro. Buscando um deus que possa chamar de seu, se vê enredado na armadilha de um destino artificialmente criado, e acaba por encontrar como único refúgio a cidade de Jerusalém, onde trabalha como operário na construção do Templo … Continuar lendo Johaben: Diário de um construtor do Templo (Vol. 1)

A culpa é das estrelas

Hazel é uma paciente terminal. Ainda que, por um milagre da medicina, seu tumor tenha encolhido bastante — o que lhe dá a promessa de viver mais alguns anos —, o último capítulo de sua história foi escrito no momento do diagnóstico. Mas em todo bom enredo há uma reviravolta, e a de Hazel se chama Augustus Waters, um garoto bonito que certo dia aparece … Continuar lendo A culpa é das estrelas

Quem é você, Alasca?

Miles Halter estava em busca de um Grande Talvez. Alasca Young queria descobrir como sair do labirinto. Suas vidas colidiram na Escola Culver Creek, e nada nunca mais foi o mesmo. Miles Halter levava uma vidinha sem graça e sem muitas emoções (ou amizades) na Flórida. Ele tinha um gosto peculiar: memorizar as últimas palavras de grandes personalidades da história. Uma dessas personalidades, François Rabelais, … Continuar lendo Quem é você, Alasca?

Ostra feliz não faz pérola

‘A ostra, para fazer uma pérola, precisa ter dentro de si um grão de areia que a faça sofrer. Sofrendo, a ostra diz para si mesma: ‘Preciso envolver essa areia pontuda que me machuca com uma esfera lisa que lhe tire as pontas…’ Ostras felizes não fazem pérolas… Pessoas felizes não sentem a necessidade de criar. O ato criador, seja na ciência ou na arte, … Continuar lendo Ostra feliz não faz pérola

Memórias póstumas de Brás Cubas

Esse romance, publicado em 1881, marca o início do Realismo no Brasil. Em vez de oferecer uma trama cheia de peripécias e lances de suspense e emoção, como faziam os outros escritores da época, Machado apresenta uma história lenta, repleta de digressões e narrada de maneira irreverente e irônica por um “defunto autor”. Todo escrito em capítulos curtos, o romance começa com Brás Cubas, o … Continuar lendo Memórias póstumas de Brás Cubas

O Monte Cinco

No século IX a.C., a princesa fenícia Jezabel ordenou a execução de todos os profetas que se recusavam a adorar o deus pagão Baal. Seguindo as ordens de um anjo de Deus, Elias fugiu de Israel e procurou segurança na terra de Sarepta, conhecida por seus habitantes como Akbar, onde inesperadamente encontrou o verdadeiro amor em uma jovem viúva. Mas esse arrebatamento foi interrompido, e … Continuar lendo O Monte Cinco

Veronika decide morrer

Neste romance extraordinário, Paulo Coelho narra, com sagacidade e sutileza a corajosa luta de uma jovem contra (e por) sua vida. Em uma história em que tudo parecia estar no caminho certo, o autor traça o destino de Veronika com infinito cuidado, tecendo o mistério de sua decisão de tirar a própria vida e cometer suicídio. No entanto, ela não morre: acorda num hospital psiquiátrico … Continuar lendo Veronika decide morrer

O vencedor está só

O Vencedor está só é, segundo Paulo Coelho, uma fotografia do mundo em que vivemos. A ação, em ritmo acelerado, se passa em 24 horas, durante o Festival de Cinema de Cannes. Produtores, atores consagrados, candidatas a atriz, top models, estilistas e um serial killer, que comete cinco assassinatos, fazem parte da trama. Com foco nos bastidores da festa em Cannes, o livro apresenta um … Continuar lendo O vencedor está só